skip to Main Content

BANCO DO BRASIL: Adesão ao banco de horas é totalmente voluntária

BANCO DO BRASIL: Adesão Ao Banco De Horas é Totalmente Voluntária

Qualquer tipo de pressão de gestor deverá ser denunciada no Sindicato

Teve início no dia 05 de fevereiro a opção para os funcionários do Banco do Brasil aderirem ao banco de horas, como cumprimento do acordo coletivo de trabalho 2018-2020.

O acordo prevê a concessão de uma hora de descanso para cada hora extra prestada. Quando o número de horas extras completar uma jornada diária de trabalho, elas poderão ser compensadas com um dia de folga. As compensações deverão ser obrigatoriamente realizadas dentro de um período máximo seis meses, em datas a serem previamente combinadas com cada gerência.

Mas atenção. A opção pelo banco de horas deverá ser totalmente voluntária. Portanto, nenhum gestor poderá exercer qualquer tipo de pressão para que o funcionário faça a adesão. Qualquer ação nesse sentido deve ser imediatamente denunciada no Sindicato, que está acompanhando de perto.

Aqueles que não desejarem aderir continuarão a receber pelas horas extras em espécie com adicional de 50% sobre o valor da hora normal. Da mesma forma, para os que aderirem, deverá ficar disponível no sistema a opção para desistir da opção a qualquer momento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top